Skip to content

Feirão em SP oferece mais de 700 imóveis em condições especiais, confira o prazo.

17/12/2018

Feirão em SP oferece mais de 700 imóveis em condições especiais, confira o prazo.

Se você sonha com o imóvel próprio confira o crédito habitacional do Feirão, que foi prorrogado até 30 de dezembro.

O imóvel próprio é um dos bens mais desejados pelos brasileiros. E para os que sonham com a casa própria surgiu uma boa notícia, a Secretaria de Estado da Habitação esta promovendo o 3º Feirão de Imóveis – Seu Sonho, Nosso Compromisso.

O evento foi prorrogado até o dia 30 de dezembro de 18, e oferece através do crédito habitacional imóveis com condições especiais a todos.

O mercado imobiliário brasileiro registrou um aumento de 30,1% no terceiro trimestre deste ano, o crescimento apresentado foi em lançamentos e também em vendas. Especialistas confirmam que existem expectativas de um maior aumento para o próximo ano.

Ao total estão disponíveis no feirão 763 imóveis, sendo que 619 são em Bauru e 144 para o município de Lins. Até o momento já foram vendidos seis dessas propriedades com o subsídio do cheque-moradia.

O subsídio do cheque-moradia varia de R$ 5 a R$ 40 mil, depende da renda familiar mensal bruta, com teto de R$ 5.280,00 também dependerá da localização do imóvel. A condição esta disponível para servidores estaduais e quem recebe auxílio-moradia através do site da Secretaria da Habitação.

O subsídio do estado para servidores públicos na região chegou ao valor de R$176 mil, mas ao total foram R$ 9,1 milhões.

Veja também:

Quite suas dívidas com cartão de crédito e parcele em até 12 vezes

5 dicas para proteger o cartão de crédito das dívidas de final de ano 

A pessoa que tiver interesse em participar do feirão, mas não é servidor público nem recebe auxílio moradia, também pode adquirir o imóvel. A diferença que não contará com o subsídio do governo, mas pode conferir todas as informações através do site do feirão.

O contrato de financiamento habitacional é feito pela Caixa Econômica Federal, os cheques-moradia possuem validade de 120 dias e os subsídios são cumulativos com os subsídios federais.

Durante os feirões anteriores o governo investiu R$ 36,3 milhões a fundo perdido. E 1.556 cheques foram emitidos, sendo 60 para pessoas que recebem auxilio moradia e 1.506 destinados a servidores públicos.