Skip to content

Cartão de crédito é a maior causa de endividamento no Brasil

05/02/2019
Cartão de crédito é a maior causa de endividamento no Brasil
Cartão de crédito é a maior causa de endividamento no Brasil - (Imagem: Divulgação)

Brasileiros iniciaram 2019 mais endividados e inadimplentes, segundo dados o cartão de crédito é o grande vilão da historia. De acordo com CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) o número de famílias endividadas cresceu.

Segundo dados da PEIC (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor) em dezembro de 2018 o número era de 59,8% e passou para 60,1% em janeiro.

As informações mostram também que o resultado foi menor quando comparado ao mesmo período no ano passado. Onde o número de endividados foi de 61,3%.

No caso de inadimplência os dados apresentaram um leve aumento, o número de inadimplentes foi de 22,8% em dezembro e subiu para 22,9% no último mês. O número de famílias que alegam não possuir condições de quitar as contas ficou em 9,1%.

Essas mesmas famílias correspondiam o percentual de 9,2% em dezembro e 9,5% no mês de janeiro do ano passado. Ou seja, houve uma leve queda nessa categoria.

Os dados também revelaram que o cartão de crédito é a maior causa de dívidas entre os brasileiros, representando um percentual de 78,4%. Seguido por 14,0% em carnês e financiamento de carro correspondendo 9,7%.  

De acordo com a economista da CNC, Marianne Hanson, essas informações mostram a preocupação das famílias em contratar novos financiamento ou empréstimos, além de apresentar um lento ritmo de recuperação do consumo.

A CNC declarou que a alta apresentada no número de endividados não afeta a perspectiva da retomada econômica no país.

Fonte: Estadão

Veja Também:
Veja tudo o que você precisa saber sobre a Nota Fiscal Paulista

Saiba mais!
Para obter mais conteúdos siga a Credicar Vantagens em nosso canal do Google News e nas redes sociais como Facebook, Twiter, Linkedin e compartilhe com seus contatos.

Acompanhe nossos artigos e fique por dentro de assuntos sobre Finanças Pessoais, Educação Financeira e outros.