Como funciona o Aluguel de Carros? Veja o passo a passo

Se você vai alugar um carro confira tudo o que precisa saber antes de escolher uma locadora.

Precisa alugar um carro e não sabe por onde começar? Veja aqui o passo a passo de como fazer o aluguel de um veiculo.

Dicas para alugar um carro

Para ajudar nessa missão nada impossível confira as dicas para quem nunca alugou um automóvel:

1 – Requisitos

Antes de qualquer coisa é necessário possuir os requisitos mínimos: CNH (Carteira Nacional de Habilitação) dentro da validade e emitida há dois anos; CPF e cartão de crédito. Além de ser exigida por lei a idade mínima de 21 anos.

As locadoras costumam consultar os órgãos de proteção ao crédito para conceder o serviço, por tanto é importante não possui restrições no nome.

2 – Caução

Assim como em um aluguel de imóvel, a locadora de carros exige uma caução de segurança. É importante estar atento, pois o valor não pode ser cobrado na fatura, apenas fica restrito no período da locação do carro. Isso acontece para o caso de descumprimento de contrato. Ao finalizar o aluguel, a empresa de locação solicita a emissora do cartão o desbloqueio do valor de caução.

3 – Pagamento

Geralmente as locadoras de carros aceitam apenas o cartão de crédito como pagamento, isso devido à caução. Mas é possível encontrar empresas que aceita débito ou dinheiro.

4 – Vistoria

O ideal é acompanhar a vistoria obrigatória realizada na retirada e na devolução do automóvel. Assim você evita dores de cabeça, pois confere a situação do carro e sabe como encontrou. Confira os vidros, combustível, itens de segurança, documentos e possíveis avarias.

Vale lembrar que ralados ou pequenos defeitos devem ser sinalizados em contrato pela locadora.

5 – Escolha quem vai dirigir

Se você vai utilizar o carro acompanhado, não se esqueça de indicar mais nomes para poder dirigir durante o período do aluguel. Somente o titular do contrato e os nomes indicados em contrato podem conduzir o veiculo alugado.

6 – Multas e leis de trânsito

Ao ser multado durante o período de locação do carro, a locadora irá contatar o condutor contratante imediatamente para indicação e pagamento da multa. O valor será debitado no cartão de crédito e a pontuação será descontada na CNH do locador.

Uma dica muito importante é a atenção com as leis de trânsito, pois podem mudar de uma cidade para outra. A velocidade máxima permitida nas vias nem sempre são iguais, por isso a importância de pesquisar antes. Fique atento com o rodizio, locais de circulação e estacionamentos em ruas.

7 – Acidentes ou roubos

Caso aconteça algum acidente ou roubo dentro do período da locação do carro, ligue imediatamente para locadora para informar o ocorrido, por isso à importância de salvar o número de atendimento 24h. Faça também o Boletim de Ocorrência e entregue uma cópia a locadora. Algumas empresas podem cobrar a franquia, leia o contrato antes para saber como funciona essa questão.

Em casos de roubos o cliente tem 48 horas para comparecer a locadora com o BO para preencher o Aviso de sinistro.

8 – Seguro do carro alugado

A maior parte das locadoras utiliza o seguro com CDW, que isenta o condutor no caso de acidentes e oferece proteção contra roubo. Todas as condições devem estar explicadas em contrato.

9 – Cálculo para cobrança do serviço

Existem duas formas possíveis de cálculo para cobrança do aluguel de carros, quilometragem livre e quilometragem controlada.

Km livre você anda á vontade, não existe um número acordado, pois o contrato é apenas pelo total de diárias.

No caso do km controlado o cliente paga o valor da diária e mais um valor por km rodado, geralmente essa modalidade é usada para aluguel com mais de 20 dias ou aqueles mensais. Nesta também é cobrado um valor extra por km excedente.

O preço de locação varia muito entre os municípios, as locadoras oferecem preços maiores em grandes cidades. Além do período, nas férias, por exemplo, o valor costuma ser mais caro.

10 – Serviço opcional

Fique atento aos serviços opcionais, caso a locadora cobre por uso de cadeirinhas para crianças, GPS ou itens de proteção adicionais não se esqueça de levar esses componentes para economizar uma grana. Existem empresas de aluguel que concedem os itens sem cobrança extra, confira essas informações no contrato de serviço.