Skip to content

11 Dicas de como se proteger de golpes bancários

Confira aqui 11 dicas importantes para não se tornar uma vítima de golpes bancários.

Confira aqui 11 dicas importantes para não ser tornar uma vítima de fraudes bancarias. – Arquivo

 O número de fraudes financeiras já ultrapassa a casa de 50 mil somente no ano de 2017, o Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança do Brasil (CERT.BR) registrou 59.319 tentativas de fraudes, sendo que 85,32% dos registro são tentativas de golpes através de enderenço eletrônico falso e os 14,68% restantes são através de outras formas de fraude como por exemplo o vírus conhecido como cavalo de troia, que rouba todas as informações do usurário, e solicitação de senhas via telefone.

Mesmo com o investimento alto em segurança dos bancos os casos de tentativas de fraudes aumentam no decorrer dos anos, segundo a Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) são aproximadamente dois bilhões de reais investidos em proteção de transações bancarias no Brasil.

Diante dessa situação preocupante é aconselhável tomar alguns cuidados importantes:

  1. Ao utilizar os terminais de autoatendimento não aceite ajuda de estranhos, procure sempre um funcionário autorizado do banco.
  2. Não acesse sua conta através de internet compartilhada, redes abertas ou em computadores públicos.
  3. Procure usar caixas eletrônicos durante o horário de funcionamento do banco.
  4. Não informe nenhum dado pessoal, como documentos e senhas de banco, via telefone ou mensagem.
  5. Evite emprestar cartões bancários para terceiros.
  6. Ao digitar senhas de cartões procure proteger da vista de terceiros.
  7. Não clique em links recebidos via e-mail ou mensagens de celular, procure o banco para saber se a mensagem é verdadeira.
  8. Em caso de ligações suspeitas ligue para o banco de um telefone confiável e certifique-se das informações.
  9. Nunca entregue seu cartão a supostos funcionários do banco, pois os bancos não enviam motoboy ou qualquer outra pessoa para retirar cartões ou documentos de clientes.
  10. Não abra e-mail ou mensagem solicitando atualização de informações nem forneça dados via telefone, pois os bancos não possuem esse tipo de serviço.
  11. Ao utilizar terminais de autoatendimento confira se o local de inserir o cartão esta normal, caso suspeite de algo escolha outro caixa para uso.

Sempre que suspeitar de algo entre em contato com o banco e se for vitima de fraude bancaria não deixe de contatar o banco e a policia imediatamente.