20.9 C
São Paulo
27/09/2020

Banco Central divulga o ranking bancário de reclamações

Credicar Vantagens Banco Central divulga o ranking bancário de reclamações

 Foi divulgado pelo BC – Banco Central na última segunda-feira (15) o Ranking de Instituições por Índice de Reclamações, a lista que é referente ao terceiro trimestre do ano de 2018 tem em seu topo o Banco do Brasil.

Apesar da melhora em relação ao número de reclamações o BB ainda ocupa o primeiro lugar da lista, com índice de queixas de 25,22 e com o número de 1.590 reclamações num total de 63 milhões de clientes.

Banco Central divulga o ranking bancário de reclamações (Foto: Divulgação)

De acordo com o Banco Central no ranking constam os bancos que possuem mais de quatro milhões de clientes. A forma para cálculo do índice é:

  • Número de queixas relevantes ÷ (dividido) pelo total de clientes de cada banco e X (multiplicado) por 1 milhão.

Reclamações

O motivo que mais gera reclamações é a informação de produto/serviço de forma inadequada, o assunto registrou 1.470 reclamações no último trimestre, os clientes alegam que existe a falta de execução das regras por parte dos bancos.

Confira as instituições bancárias que estão no ranking de reclamações e suas posições:

  1. Banco do Brasil – Índice de 25,22 (1.590 reclamações relevantes e 63 milhões de clientes);
  2. Bradesco – Índice de 22,55 (2.151 reclamações relevantes e 95,3 milhões de clientes);
  3. Santander – Índice de 22,10 (933 reclamações relevantes e 42,2 milhões de clientes);
  4. Caixa Econômica Federal – Índice de 21,64;
  5. Itaú – Índice de 18,18;
  6. Banrisul – Índice de 15,81;
  7. Votorantim – Índice de 12,93;
  8. Pernambucanas – com índice de 7,19;
  9. Banco CSF – índice de 5,87;
  10. Midway – 4,67 de índice;
  11. Banco do Nordeste – 0,29 de índice.

Respostas dos bancos em piores posições

De acordo com o portal Veja, o Banco do Brasil afirmou que está trabalhando para deixar as três primeiras posições do ranking, investindo em tecnologia para que seus correntistas possam executar todas as transações ou resolução de problemas através da internet sem que haja necessidade de comparecimento a uma agência.

Já o Bradesco afirmou que adota um programa de analise das origens das queixas de seus clientes e investe em treinamentos para sua equipe de atendimento. No caso do Santander a instituição se defendeu afirmando que trabalha para a melhoria continua de seus processos com foco na satisfação do cliente.

Leia também:

Bolsonaro afirma que sua meta é a criação de 10 milhões de empregos

Pesquisa aponta que a cada 100 brasileiros, 46 conseguem obter dinheiro extra

Foi divulgado pelo Banco Central o Relatório de Cidadania Financeira, onde constam dados que comprovam que 46% das pessoas no Brasil declaram ter condições...
X