25.1 C
São Paulo
26/10/2020

Bolsonaro envia R$ 2 milhões através de emenda para a Santa Casa de Juiz de Fora

Credicar Vantagens Bolsonaro envia R$ 2 milhões através de emenda para a Santa Casa...

Apesar de Jair Bolsonaro ser o presidente eleito do Brasil, ele ainda esta exercendo suas funções como deputado federal, e em uma de suas tarefas Bolsonaro direcionou o valor de R$ 2 milhões em emenda individual parlamentar para a Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora no estado de Minas Gerais. O hospital mineiro que prestou os primeiros atendimentos a Bolsonaro logo após o ataque a facadas de Juiz de Fora sofrido pelo deputado em setembro.

Bolsonaro que durante seus 27 anos como deputado federal costumava destinar as emendas para instituições de educação e saúde ou outras áreas sempre vinculadas as Forças Armadas, dessa vez resolveu diferenciar suas decisões para contribuir com a instituição mineira que o atendeu.

Santa Casa de Juiz de Fora
Santa Casa de Juiz de Fora

Conforme a Constituição o parlamentar tem direito a destinar R$ 15,4 milhões em emendas ao Orçamento da União de 2019, deste valor 50% devem ser destinados para obras e serviços públicos de saúde. Para fazer com que os parlamentares estejam envolvidos na elaboração anual de orçamento que são conduzidos ao Congresso pelo Executivo, esse tipo de emenda se tornou uma obrigação do Governo.

Na fase em que o deputado do PSL estava se recuperando deu uma entrevista afirmando que nasceu de novamente naquele hospital e fez elogios ao atendimento prestado pela equipe. Na mesma época Bolsonaro também cogitou a hipótese de doar uma parte do valor arrecado em sua campanha para a Santa Casa, mas isso não foi possível. A legislação eleitoral não permite esse tipo de doação por se tratar de recursos direcionados a campanhas eleitorais.

O deputado justificou a emenda relatando que o déficit do hospital foi de R$ 27,1 milhões em 2017, com os atendimentos prestados aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) e a média mensal é R$ 2,3 milhões. Bolsonaro ainda concluir em seu texto da emenda que o déficit é resultado da defasagem da tabela do Sistema Único, que não é atualizada há mais de 12 anos.

O presidente eleito ainda direcionou R$ 500 mil ao Hospital do Câncer em Barretos e mais R$ 1 milhão para o Instituto Nacional do Câncer no Estado do Rio de Janeiro.

Eleitores de Bolsonaro fazem doações

Alguns eleitores de Jair Bolsonaro se uniram para efetuarem doações para o hospital público que prestou os primeiros atendimentos ao deputado no dia do ataque. Após o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) alegar que não era permitida doação de sobras de recursos destinados a campanhas eleitorais, um eleitor tomou a iniciativa de publicar um apelo nas redes sociais aos colegas simpatizantes de Bolsonaro para fazerem doação ao Hospital Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora. A ideia funcionou e muitas pessoas doaram diversos valores para a instituição de saúde.

Leia também

Bolsonaro cortará cargos com apadrinhamentos políticos na Caixa e Banco do Brasil

 

Pente-fino do INSS: veja como funciona e quem pode perder o beneficio

Os beneficiários do INSS são alvo do pente-fino na Previdência, os primeiros serão aqueles que recebem auxílio-doença ou aposentadoria por invalidez do Instituto Nacional...

Bolsonaro impede divulgação de campanha publicitaria do Banco do Brasil

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, pediu a Rubem Novaes, presidente do Banco do Brasil, que a campanha publicitária que defendia a diversidade fosse...

Bolsonaro promete definir as questões da reforma da Previdência nesta quinta-feira

O Presidente Jair Bolsonaro pretende “bater o martelo” nesta quinta-feira (14), de acordo com a entrevista dada á TV Record, ele não havia se...
X