22.4 C
São Paulo
23/11/2020

Extrato FGTS: como consultar o seu?

Credicar Vantagens Extrato FGTS: como consultar o seu?

Novas mudanças no saque do benefício foram anunciadas no mês de julho. Saiba como consultar o saldo de cada conta que possui no Fundo.

Todo trabalhador registrado no regime CLT, trabalhadores rurais, temporários e domésticos têm direito ao FGTS, o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço. Cada pessoa pode ter diferentes tipos de contas – as inativas, de empregos anteriores, e as ativas, dos empregos atuais. Mas como consultar o extrato FGTS?

O extrato FGTS é, basicamente, o documento que apresenta o saldo que o trabalhador tem disponível em cada uma de suas contas do Fundo, ativas e inativas. 

Vale lembrar que, em Julho de 2019, foram anunciadas medidas que permitem aos trabalhadores sacar até R$ 500 de cada conta do FGTS, além da nova opção do saque anual – por isso, é importante verificar o extrato FGTS saber qual o saldo disponível em suas contas.

Existem algumas maneiras de consultar o extrato FGTS – e o saldo de cada uma de suas contas:

Formas de consultar o extrato FGTS

Pessoalmente

Para isso, basta ir nas agências da Caixa Econômica Federal.

No site da Caixa Econômica

Basta acessar o portal informando seu PIS/Pasep e cadastrando uma senha – ou, usando a Senha Cidadão;

Via SMS

Receber o extrato FGTs via mensagem de telefone é possível para quem se cadastrou no site da Caixa (acima) e informou o número de telefone.

Via e-mail

Esse passo também é possível após cadastro no site da Caixa Econômica Federal. Por e-mail, também é possível receber informações sobre o depósito mensal na conta do FGTS;

Via aplicativo

Baixe o app FGTS Trabalhador na sua loja de aplicativo para smartphone. Ele é gratuito e exige o PIS/Pasep e senha para acessar o extrato FGTS.

Como ler e entender o extrato FGTS

Não é difícil entender o extrato FGTS de cada conta. Ele lista todos os depósitos feitos no período em que você trabalhou em determinada empregadora – mês a mês – e os Juros e Atualização Monetária acrescentados ao saldo, que aparecem no extrato como JAM

Na prática, os créditos JAM são a soma da correção do saldo na conta pela inflação e o rendimento do Fundo – de 3% ao ano, igual à Taxa Referencial. Eles também são depositados mensalmente e por tempo indeterminado, até você usar o saldo de sua conta – seja ela ativa ou inativa. 

Ou seja: todo o mês, sua empregadora deposita em sua conta do FGTS. Portanto, o extrato vai mostrar quais foram esses depósitos feitos e que, somados aos JAM, totalizarão o seu saldo disponível. 

Por exemplo: se você trabalhou por seis meses em determinada empresa, terá recebido seis depósitos – um de cada mês.

Vale lembrar: o valor depositado do FGTS corresponde a 8% de seu salário bruto; portanto, se seu salário bruto é de R$ 2 mil, seu depósito mensal do FGTS será de R$ 160. O mesmo vale para seu emprego atual. O número de depósitos será correspondente ao número de meses já trabalhados.  

Logo acima do primeiro extrato FGTS que aparecer, você verá o número de contas existentes e o saldo de cada uma. Para saber qual conta corresponde a cada emprego que teve, basta observar a data de admissão e a empresa correspondente, detalhados no cabeçalho do extrato.

Independentemente de onde acessar o seu extrato FGTS, a estrutura e as informações apresentadas serão as mesmas. 

É importante lembrar que:

  • A conta ativa do FGTS é aquela referente ao seu emprego atual, em que, mensalmente, a empresa empregadora faz um depósito – portanto, que tem movimentação.
  • Por outro lado, as contas inativas do FGTS são de seus empregos anteriores, que tiveram o contrato rescindido – e se chamam inativas exatamente por não receberem mais depósitos.

Quando é possível sacar o FGTS?

Veja quais são as situações nas quais o trabalhador pode usar o saldo de seu FGTS:

  • Demissão sem justa causa;
  • Aposentadoria;
  • Compra de casa própria (existe um limite máximo de valor do imóvel);
  • Fechamento da empresa empregadora;
  • Término do contrato de trabalho temporário;
  • Rescisão de contrato por comum acordo entre empregador e trabalhador – nesse caso, é possível sacar somente 80% do saldo da conta vinculada;
  • Falta de atividade remunerada para trabalhador avulso por 90 dias ou mais;
  • Ter idade igual ou superior a 70 anos;
  • Doenças graves (como Aids ou câncer) do trabalhador, esposa(o) ou filho, ou em caso de estágio terminal de qualquer doença.

Isso, claro, além das novas medidas anunciadas sobre o saque do benefício. Vale somente ressaltar que o saque de R$ 500 será liberado a partir de setembro de 2019, seguindo um cronograma específico .

Fonte original do conteúdo : Extrato FGTS: como consultar o seu?

Saldo FGTS – Veja como consultar pela internet

Você sabia que tem como consultar quanto você tem disponível no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) sem sair de casa?

FGTS será liberado com limite de saque, o valor máximo é R$ 500

Governo anunciará a liberação de saque do Fundo de Garantia para contas ativas e inativas.

Saque do FGTS: Em quais situações é possível sacar?

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), criado pela Lei nº 5.107, de 13 de setembro...
X