Faça seu dinheiro render: Veja os melhores investimentos

Como fazer meu dinheiro render? Essa questão é comum na vida de muitos brasileiros, porém a solução é desconhecida por essa grande maioria.

Para quem utiliza poupança e não ver retorno significativo ou até mesmo para quem não poupa de nenhuma forma. Existem investimentos que podem trazer um bom rendimento para o próximo ano.

Faça seu dinheiro render: Veja os melhores investimentos
Imagem: Reprodução

Devo deixar de usar poupança?

O investimento na poupança é algo que gera um retorno baixo. O ideal seria a aplicação do valor em outros tipos de investimentos, onde a valorização é maior. Mas o fato de uma pessoa ter uma poupança, independente do percentual de retorno, já é algo positivo se torna um primeiro passo para um novo plano de rendimento.

O rendimento da poupança é de apenas 4,55% ao ano, resultando em uma rentabilidade que muitas vezes não bate a inflação.

Como investir?

Para efetuar um investimento não é necessário gastar e nem fazer grandes esforços. A aplicação do dinheiro é um investimento no fundo que depois poderá ser resgatado com acréscimos de juros. A ação funciona como uma espécie de compra de título.

Muitas pessoas mantem a ideia que somente quem tem muita grana pode investir, mas estão enganadas. Existem diversas aplicações e algumas com valores pequenos e que podem gerar um bom valor mais pra frente.

Segundo as regras a chance de um rendimento maior surge com os investimentos mensais, quanto mais tempo de investimento maior será o retorno.

Como descobrir qual é o melhor investimento? 

Existem muitas formas de investir e o perfil de cada pessoa deve ser levado em consideração na hora da escolha. Alguns pontos importantes também devem ser considerados:

O valor para investir

O investidor deve se preparar financeiramente para garantir o valor decidido para o investimento.

Prazo para resgate do dinheiro

Ao decidir o tipo de investimento a pessoa também deverá definir a data que pretende resgatar o valor, podendo escolher longo, médio ou curto prazo.

Avaliação dos riscos

Apesar da maior parte dos investimentos (até R$ 250 mil por pessoa) possuírem cobertura do FGC (Fundo de Garantia de Crédito), existem possíveis riscos no caso do banco ou financeira falirem e não conseguirem pagar seus investidores. Porém este tipo de risco é raro, considerado baixíssimo pelos especialistas.

O risco considerável preocupante é a perda de dinheiro, caso o investidor escolha retirar o valor antes do tempo determinado.

Quais são as principais formas de investi meu dinheiro

Confira quais são os principais investimentos, sem esquecer que o perfil de cada investidor deverá ser considerado no momento da escolha.

Tesouro Direto

É o queridinho dos investidores, talvez seja até a melhor forma de investimento de dinheiro para o próximo ano. É bem simples investir, com R$ 30 já pode começar.

Para garantir o investimento o Tesouro Direto é controlado pelo Tesouro Nacional, e não por bancos como é o caso de outros tipos de aplicação.

CDB

O Certificado de Deposito Bancário é bem simples, o ideal para quem nunca fez aplicações. O CDB está vinculado ao CDI (Certificados de Depósitos Interbancários), dependendo da data para resgate o valor poderá render mais de 100% do CDI.

LC 

Letras de Crédito é o financiamento adquirido através de financeiras, esse tipo de investimento gera bons rendimentos. O ideal é conhecer muito bem a financeira escolhida para a ação.

LCA e LCI

Os dois investimentos são praticamente iguais, LCA (Letras de Crédito Agronegócio) e o LCI (Letras de Crédito Imobiliário) funcionam como captação de recursos pelo emissor do título. São destinados para financiamento de agronegócio e imobiliário.