Notícias Taxas ocultas e maiores problemas por trás do Cartão de Crédito

Taxas ocultas e maiores problemas por trás do Cartão de Crédito

É seguro contratar um advogado previdenciário online?

Já parou para pensar na possibilidade de contratar um advogado previdenciário online? Quando se imagina ser atendido...

Taxas ocultas e maiores problemas por trás do Cartão de Crédito

Certamente você deve está se perguntando o porque o cartão de crédito te odeia tanto? Ou por...

Cartão de crédito pré-pago: Descubra quais são os melhores e quais são suas vantagens!

Cartão de crédito pré-pago: Descubra quais são os melhores e quais são suas vantagens!
Credicar Vantagens
Credicar Vantagenshttps://credicarvantagens.com
Credicar Vantagens é um portal de noticias na internet que divulga tudo sobre economia e outros assuntos da atualidade.
- Publicidade -

Certamente você deve está se perguntando o porque o cartão de crédito te odeia tanto? Ou por que todos os meses sua fatura sempre chega acima do valor esperado? Esses e outros questionamentos são feitos diariamente pelas pessoas, neste artigo você descobrirá o que os bancos não querem que você saiba e além disso você conhecerá as principais taxas de cartões de crédito que são cobrados pelos bancos.

O que você verá neste artigo:

  • Cartão de crédito, amigo ou inimigo?
  • Taxas ocultas do cartão de crédito?
  • 3 erros que você comete ao escolher um banco!

Cartão de crédito, Amigo ou Inimigo?

- Publicidade -

Caro leitor, neste artigo apresentarei como utilizar o cartão de crédito de maneira adequada para que você não se torne uma pessoa inadimplente, mostrarei as principais taxas de cartão de crédito que todos brasileiros deveriam conhecer antes mesmo de abrir uma conta no banco. Lembre-se, o cartão de crédito pode ser o seu amigo ou inimigo, cabe a você construir um bom relacionamento com ele!

Em primeiro lugar vamos conhecer a pirâmide do conhecimento bancário por trás dos cartões de crédito no país.

Pirâmide do Conhecimento Bancário FINAL-2

Como você viu na imagem acima, o Banco Central do Brasil é a base para regulamentação das instituições financeiras no país. O objetivo é garantir que os consumidores obtenham os seus direitos e serviços respeitados pelas IF.

As instituições financeiras,  realizam o papel intermediário entre o cliente e algum tipo de serviço do mercado financeiro, exemplo como as administradora de cartões de crédito, podendo ser os bancos, as lojas ou as fintechs.

Alguns exemplos de instituições financeiras de cartões de crédito:

  • Itaú Unibanco
  • Bradesco
  • Banco do Brasil
  • Nubank

Os bancos, são o meio de emissão de cartões com o modo mais seguro existente até agora por serem assegurados com o FGC Fundo Garantidor de Créditos e por terem mais segurança em armazenamento de dados dos clientes.

Por último na pirâmide temos o consumidor que é  o responsável pela utilização do crédito que foi liberado para ele.

O cartão de crédito deverá ser utilizado com responsabilidade, afinal de contas você está utilizando um dinheiro que você não tem, “se tivesse, estaria utilizando o dinheiro não o cartão”, dessa forma pense o seguinte, o crédito é como se fosse um empréstimo pelo qual você usufrui, contudo, no começo do mês paga pelo que utilizou. Muitos não sabem, mas como os empréstimos bancários as taxas de multa por atraso beiram a casa dos 2%.

Mas, então como devo usar o cartão de crédito? Simples, o recomendado pelos economistas é ter apenas um cartão e concentrar todas as suas compras do crédito nele. Alerta! Muitos cartões podem te confundir, além de você ter que trabalhar apenas para paga-los, confundir datas de pagamentos e ficar preso no circulo vicioso do crédito.

Dificuldades nas suas finanças? Baixe o nosso Guia de Controle Financeiro para Iniciantes!

Uma outra dica é optar por cartões de crédito de bancos ou contas digitais. Os cartões de loja possuem uma vantagem de um maior parcelamento contudo, suas taxas de juros são superiores aos outros bancos beirando aos 8,9% a.m. Caso, ocorra atraso na sua fatura prepare-se porque o valor no próximo mês será altíssimo. Os cartões de crédito de lojas tem como objetivo atingir o público pelo qual foi reprovado na analise de crédito bancário.

Segundo uma pesquisa realizada em junho pelo Jornal Nacional, o Brasil bateu o recorde em 2019 com 63 milhões de inadimplentes no pais. Isso é mais de 40% da população onde pelo menos um tem uma conta pela a qual não consegue pagar. Dessas contas a maioria são por conta de cartões de crédito e cheque especial.

Utilize o cartão de maneira consciente, se você tem a tendência em agir por impulso em descontos, liquidações ou em delivery de comidas e etc. Procure não andar com o seu cartão mas, deixa-lo guardado em casa assim você evitará de utiliza-lo e terá mais controle sobre sua vida financeira.

Taxas ocultas do cartão de crédito?

Você sabe quais são as tarifas que os bancos podem cobrar pelos cartões de crédito? O Banco Central do Brasil determina que as instituições financeiras poderão cobrar até 5 tarifas pelos cartões de crédito.

Sendo elas:

  • Anuidade;
  • Avaliação Emergencial de Crédito;
  • Pagamentos de Contas;
  • Saques;
  • Segunda via do cartão;
  • Multa por atraso;
  • Juros por atraso da fatura;
  • Juros de parcelamento da fatura;
  • Juros de crédito rotativo.

Anuidade: Essa tarifa é cobrada anual para a manutenção da conta, mas normalmente é dividida em 12 vezes. O valor pode variar de banco para banco.

Avaliação Emergencial de Crédito: Nesse caso é utilizado quando é realizada uma comprar acima do limite do cartão ou seja quando estoura o limite do cartão.

Pagamentos de Contas: Valor cobrado quando o cliente utiliza o cartão para pagar boletos, contas, água etc.. É cobrado também o IOF, que é calculado no momento de liquidação do documento e vencimento da fatura.

Saques: Essa tarifa costuma variar de banco para banco. Ela é cobrada geralmente nos canais de atendimento conhecidos como Bancos 24 horas, os valores variam de saques realizados em território nacional e no exterior.

Segunda via do cartão: Quando ocorrer um furto ou problemas na leitura do cartão. Os valores podem alterar de banco para banco, a solicitação para confecção de um novo cartão é cobrada.

Multa por atraso da fatura: Uma coisa que nunca foi tão bem dita antes, nunca atrase a fatura do seu cartão de crédito, por que a multa é alta e as taxas de cartão de crédito também! A multa por atraso pode chegar até 2% ao mês, a mesma não é acumulativa ou seja não importa a quantidade de dias atrasado no mês, você pagará o mesmo valor.

Juros por atraso da fatura: Bom, além de pagar a multa por atraso da fatura. Existem também os juros que são cobrados diários pela quantidade de dias em atraso, cuidado. Os juros são altíssimos, podendo variar de 1% até 10,99% ao mês.

Juros de parcelamento da fatura: Esse meio, é utilizado quando o consumidor não tem recurso suficientes para arcar com os pagamentos totais da fatura. Então a instituição financeira libera o parcelamento da fatura com os encargos oferecidos. 

Juros de crédito rotativo: Esse método é aplicado quando o cliente paga o mínimo da fatura, antes você poderia levar essa divida por alguns longos meses pagando o mínimo da fatura. Contudo, ocorreram mudanças e o cliente só poderá ficar no crédito rotativo uma vez. Após esse período, a instituição financeira é sujeita a oferecer um parcelamento da divida para o cliente. 

Veja abaixo quantidade de juros que são cobrados por algumas instituições financeiras no país.

INSTITUIÇÃO FINANCEIRAJUROS DE CRÉDITO ROTATIVOJUROS DE PARCELAMENTO DA FATURAJUROS POR ATRASO DA FATURA MULTA POR ATRASO
NUBANK2,75% – 14,00% ao mês0,99% – 13,75% ao mês1,99% – 15,00% ao mês2%
BANCO INTERNão encontradoNão encontradoNão encontrado2% sobre o saldo devedor
BRADESCOaté 9,90% ao mêsaté 9,80% ao mêsNão encontrado2%
ITAÚ1,90% a 9,90% ao mês1,90% a 7,90% ao mês8,90% ao mêsNão encontrado
DIGIONão tem7,90% ao mês10,99% ao mês2%

3 erros que você comete ao escolher um banco!

Você já se perguntou em algum momento qual é o seu banco favorito? Muitas pessoas iriam responder o banco que não tenho conta! Mas, porque não mudar esse cenário? Dá para ser amigo do seu banco e até ganhar presentes deles. Mas, o objetivo deste tópico e apontar três dos principais erros cometidos pelas pessoas ao escolherem um banco. 

1° erro: Não conhecer os seus direitos

RESOLUÇÃO 3402, de 06/09/2006,   diz que temos o direito de escolher em qual receberemos o salário e benefícios como aposentadoria e pensões. Ambas podem ser realizadas mediante a portabilidade, procure a instituição financeira pela qual deseja receber os seus benefícios para consultar os devidos documentos necessários para concluir o procedimento.  

2° erro: Acreditar em tudo que o seu gerente diz!

De fato, os gerentes de conta dos bancos estão ali para auxilia-o a resolver os problemas enfrentados com sua conta, mas toda historia tem varias versões e com os bancos não são diferentes. Muitos gerentes afirmam ser impossível de diminuir ou até mesmo não cobrar as famosas taxas de cartão de crédito e de manutenção de contas. Mas, saiba que é possível até anular a mesma, converse bem com o gerente explique os seus motivos ou até se for necessário exponha sua insatisfação com a rede bancária. 

3° erro: Não conhecer o que está incluso no seu pacote de conta bancaria (Famosa cesta de serviços) 

Ao abrir uma conta no banco, solicite ao gerente o documento onde está exposto tudo o que você terá direito em sua conta por um valor fixo pago anualmente ou dividido em 12X. Muitas pessoas pagam mais caro por não respeitar os limites que são impostos na cesta de serviços, se sua cesta é limitada a 4 saques mensais mas você realiza 5 você está ultrapassando o limite. Procure uma cesta que se encaixe adequadamente para você não pagar por item separadamente que muitas vezes os valores são absurdamente caros. 

Peça ao seu gerente o documento onde constam o que está incluso na cesta de serviços, geralmente são serviços básicos como: 

  • Quantos saques mensais poderão ser realizados
  • Quantos extratos mensais poderão ser realizados
  • Quantos extratos por período poderão ser realizados
  • Quantos DOC/TED poderão ser realizados

Bom, como vimos neste artigo os bancos podem oferecer diversos serviços para os consumidores com inúmeros valores que podem variar conforme suas necessidades. Por muitas vezes um dos maiores erros cometidos pelas pessoas é não saber compreender tudo o que o seu cartão de crédito oferece. Não adianta somente pagar a fatura e não realizar uma investigação a fundo para descobrir o que de fato está pagando. Um fator positivo é entender de fato as principais taxas que são cobradas ao utilizar o cartão de crédito, seja paga pagamentos de faturas, boletos, parcelamentos, saques e outros. 

A grande maioria das taxas que são cobradas pelas administradoras dos cartões de crédito podem ser consultadas nos seus sites ou através dos telefones disponíveis para contato no próprio site. Sempre que tiver dúvidas entre em contato com a IF, procure entender o que está pagando e para que está pagando para evitar de bancar taxas abusivas. 

Fonte do conteúdo: Taxas ocultas e maiores problemas por trás do Cartão de Crédito

- Publicidade -

Mais artigos como este

- Advertisement -